Site não oficializado do Sport Clube Penalva do Castelo.
A força penalvense desde 1945 no desporto e no futebol com paixão...

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Artigo de Reflexão: "Pré época"

Desporto - Futebol |Espaço Universidade


Artigo publicado in Jornal A Bola online 23 Julho 2015

Autor: José Neto


"Pré época
Planeamento e Periodização do Treino e sua importância para o futuro de uma equipa na construção do sucesso!…"


"A definição genérica de treino, como uma forma básica de preparação do atleta através de exercícios no sentido de proporcionar ao organismo respostas às exigências físicas, técnicas, psicológicas, afetivas e sociais suficientemente capazes para a obtenção do êxito, ainda vigora em qualquer manual que o tempo conserva.

Constata-se no entanto que no âmbito da planificação duma época desportiva tem-se assistido a uma graduada evolução, quer ao nível das conceções, quer ao nível das operacionalizações das temáticas referentes às cargas de treino, não apenas em relação ao volume, como à intensidade, como à especificidade, recuperação, densidade etc…estabelecendo-se metodologias instrumentais para que o sucesso apareça e se prolongue no decorrer duma época desportiva.

Deste modo, qualquer trabalho que se destine à programação e planeamento tem que obedecer à avaliação das condições infraestruturais da prática e sua operacionalidade: Meio – material, potencial humano, capacidade socio- económica; Equipas técnica e médica, sua constituição e organigrama de funções a exercer; Atletas – dados pessoais, historial técnico, competitivo, desportivo e clínico; Calendário – treinos, jogos, competições; Seleção e Meios e Métodos de Treino – quais / quando / quanto / onde /como.; Definição do Modelo de Jogo – conceção de jogo; Condições de apoio departamental e logística, etc, tarefas sobre as quais jamais poderá ficar indiferente a qualidade crítica e reflexiva de todo um departamento que opera as premissas dos êxitos a conseguir, numa conduta de deveres para um julgamento de obrigações.

Em tempos que a memória não me atraiçoa havia um código referencial em que se periodizava uma época desportiva em 3 fases, geralmente agrupadas em 3 grandes períodos ou etapas:

1- Período preparatório, pré competitivo ou aquisição da forma desportiva – correspondente ao tempo espaçado entre o início da época e o início oficial das competições.

2- Período competitivo ou fase de desenvolvimento da forma desportiva- correspondente à durabilidade das competições.

3- Período de transição ou fase de redução ou quebra temporária dos níveis de rendimento.- correspondente ao tempo que intervala o final das competições e o início da nova época.

Dada a intervenção de um modelo “importado” (Matveiev), em que se privilegiava um conceito de forma desportiva baseado nos “picos” de forma, muito utilizado nos desportos individuais, as cargas de treino tinham uma orientação estruturada, isto é , o que interessava era que a equipa aparecesse em determinados momentos em “alta rodagem” para seguidamente baixar de forma cíclica o seu rendimento. À medida do tempo constituiu-se a necessidade de substituir esse modelo, pois no Futebol., mais importante do que os “picos” de forma, interessava os patamares de rendimento, ou seja a estabilização do rendimento como máxima garantia para resultados de nível superior. Assim e de forma progressiva viu-se a conceção tradicional evoluir para novas fenomenologias, como seja o treino integrado, ou seja numa interligação de treino por contraste, depois para a periodização tática, depois periodização complementar.

Percorri enquanto técnico de observação e qualificação do jogo e metodólogo de treino, desde 1981/82 até finais da década de 90 (V.S.C.Guimarães, F.C.Porto, S.C.Braga e V.S.C. de Guimarães) todas as etapas correspondentes e com resultados (alguns deles que a história de sucesso jamais apagará). Contudo e a experiência me tem demonstrado, não há receitas onde se possa pesquisar as condições que resultem no êxito absoluto. Por isso, repugna-me o fenómeno de certos profetas que anunciam como verdade absoluta um dos conceitos, quando no Futebol, como na vida, algo de novo se anuncia após uma resposta adequada, pois “o conhecimento nasce da dúvida e alimenta-se na incerteza”.( Sérgio, M.) Se por vezes até vemos jogadores com participações excelentes no treino e no imediato com performances verdadeiramente chocantes nas competições que se lhe seguem, até parece que tudo foi desaprendido ou esquecido, … o que se pode dizer?!...

É que nada está absolutamente definido. O planeamento e programação do treino vê-se por isso enriquecido com esta questão da adaptação significativa de condições propícias para a obtenção do êxito.

São várias as ciências que “emprestam” ao Futebol um contributo extraordinário das suas valências, como a fisiologia, a metodologia de treino, a estatística, a medicina desportiva, a biomecânica, a psicologia, a nutrição., etc., que, associadas a uma programação cuidada em treino, conduzirão ao sucesso na competição.

Por isso, jamais devemos esquecer que quão importante é trabalhar (quer na pré época como no decorrer da mesma) no treino a força, a agilidade, a destreza, a velocidade, os princípios defensivos e ofensivos, as transições e bolas paradas, etc, inseridos de metodologias que por exemplo promovam a confiança no jogador, assegurando e encorajando-o relativamente à capacidade de ser bem sucedido; inserir no conceito de treino o aspeto motivacional, formulando-lhe objetivos difíceis e desafiadores de complexidade crescente; operacionalizar no conceito de treino técnicas de redução de stress com intenção clara de obtenção níveis ótimos de desempenho, utilizando técnicas de relaxamento apropriadas e em momentos claros de definição personalizada de funções (marcação de livres, grandes penalidades, etc); inserir no conceito de treino um elemento fundamental, que poderá resultar na simulação de condições adversas que os jogadores irão ter no jogo, instrumentalizando-as no sentido de tudo estar preparado para se ser bem sucedido, etc …

Numa pré época, ao colocar todas estas dominantes (e muitas outras) em formas de jogo, está a potenciar-se argumentos fundamentais onde os tão famosos automatismos consubstanciados em rotinas, acabam por oferecer a expressão duma equipa como um todo, que pensa, executa e vive de forma coesa e solidária!..."

José Neto é Metodólogo Treino desportivo, Mestre em Psicologia Desportiva, Doutor em Ciências do Desporto/Futebol, Formador Treinadores FPF – UEFA e Docente Universitário.

sexta-feira, 17 de julho de 2015

Revista da temporada desportiva 2014|2015 no concelho de Penalva do Castelo




Ainda sem novidades concretas quando à equipa sénior do Sport Clube (a primeira formação ou conjunto do concelho habitualmente a começar os treinos de preparação) mas já com as temporadas desportivas terminadas em todas as modalidades em que o desporto penalvense esteve representado de forma federada e aguardando que a próxima se inicie (Agosto e Setembro de 2015), julgamos oportuno relembrar os destaques que marcaram esta última época desportiva que se iniciou em Agosto do ano anterior e que recentemente terminou, aproveitando desta forma um artigo publicado no jornal O Penalvense (edição de Julho 2015):

Colectividades em actividade federadas no presente comemoram mais um aniversário

Falando concretamente apenas das colectividades que estão activas no presente e a representar o concelho de forma federada pelo distrito de Viseu fora como pela região centro, merece destacar a comemoração de mais um aniversário pelas mesmas.
Começando pela Associação Recreativa e Cultural Sezurense (freguesia de Sezures) que representa o futebol sénior, são já 33 anos de actividade e seguramente cerca de mais de 15 de participação no futebol distrital de forma ininterrupta.
O Grupo Desportivo e Cultural de Roriz (freguesia de Pindo), com 21 anos de existência que sendo um colectivo mais recente mas também de participação continua no futebol distrital e que tem também dignificado o concelho de Penalva do Castelo.
Passando pelo Andebol, onde a Associação Cultural, Social, Recreativa e Desportiva Os Melros têm elevado o concelho penalvense nesta modalidade alternativa ao futebol. Também ela com 21 anos comemorados durante esta última temporada desportiva e decerto mais de 17 primaveras em competição oficial.
E por fim a colectividade mais antiga e representativa em actividade federada (mais de 120 atletas inscritos) do nosso concelho, o Sport Clube Penalva do Castelo, que muito brevemente (28 de Agosto) comemora 70 anos de existência com uma actividade continua no futebol distrital como nacional, tanto em camadas jovens como seniores.


Sport Clube Penalva do Castelo “perdeu” dois ex-presidentes

Durante a última temporada desportiva, a colectividade do Sport Clube viu “partir” dois ex-presidentes e acima de tudo dois penalvenses e seres humanos que muito do seu tempo dedicaram à colectividade penalvense engrandecendo a história do clube. Nelson Almeida, falecido em Setembro de 2014 e José Augusto, falecido em Dezembro de 2014, foram duas figuras incontornáveis na história do clube e que sempre vão merecer a nossa lembrança.



A.C.S.R.D. Os Melros conquistaram um título regional

Os Melros (com sede na freguesia de Germil) durante o último mês de Março sagram-se campeões regionais, no escalão de Minis, na modalidade de Andebol de 5. Um título inédito para a colectividade e para o Andebol no concelho de Penalva do Castelo que vêm reforçar a aposta e o trabalho dos mesmos que movimentam actualmente mais de 40 praticantes federados (foto: http://www.osmelros.pt - Os Melros).


Honrosas prestações das equipas seniores do concelho

Embora em destaque colectivo, merecem menção também as classificações obtidas pelas nossas equipas seniores de futebol que representaram o concelho no distrito de Viseu. Começando pelo Sport Clube Penalva do Castelo, que acabou por se sagrar vice-campeão distrital, falhando por muito pouco a conquista mais desejada a nível distrital e a consequente subida directa aos campeonatos nacionais mas ainda assim com a obtenção por direito próprio de disputar a Taça de Portugal na próxima temporada. Seguindo pela prestação do Sezurense em futebol distrital que disputou a o segundo escalão e conseguiu muito provavelmente a sua melhor prestação ou performance desportiva da sua história reforçada também marcada pela chegada inédita aos Oitavos-de-final da Taça de Viseu. E por fim o Roriz que na mesma divisão da colectividade sezurense, obteve também uma prestação digna e provavelmente das melhores da sua história ou historial.





Sport Clube Penalva do Castelo realizou a 5ª edição do Penalva Cup

No dia 13 de Junho de 2015 realizou-se mais uma edição do Torneio de Futebol 7 denominado Penalva Cup. Evento que contou com oito equipas participantes, de diferentes proveniências a nível nacional. Esta foi a 5ª edição deste tipo de torneio cabendo este ano, o apadrinhamento a José Manuel Júnior, mais conhecido no meio futebolístico por Joe. Um atleta que recentemente (última temporada - 2014\15) colocou um ponto final na sua carreira de futebol e ao serviço dos penalvenses, no qual dedicou a maioria do seu percurso futebolístico individual (fotos: João Poças e André Lopes - Sport Clube Penalva do Castelo).





Bombeiros Voluntários de Penalva do Castelo organizaram mais um Passeio de BTT com muita adesão

Teve lugar em Fevereiro último mais uma edição do Passeio de BTT (denominado Rota do Queijo) organizado pelos Bombeiros Voluntários de Penalva do Castelo. Um evento anual que tem atraído centenas de pessoas provenientes do nosso concelho e de fora (numa grande parte). Este ano com quase 400 inscrições de participantes, bateu o seu recorde de participação merecendo assim destacar este evento desportivo onde a bicicleta e o todo o terreno assumem o centro das atenções num passeio também ele lúdico e cultural virado para os trilhos concelhios e que servem de pastoreios, responsáveis em parte, pelo fabrico do famoso Queijo Serra de Estrela com origem no nosso concelho (fotos: Cristóvão Monteiro - Bombeiros Voluntários de Penalva do Castelo).






Jogos Desportivos do concelho de Penalva do Castelo bateram este ano o recorde de participação

Já na sua XII edição, os Jogos Desportivos do concelho de Penalva tiveram neste ano corrente um recorde de participantes (411 inscrições) que estiveram presentes nas diversas modalidades propostos pelo município e concretamente pelo seu sector ou gabinete de Desporto, com colectivas (Futebol de 7, Futsal, Andebol, Basquetebol, Ténis de Mesa, Jogo da Malha, Ténis e BTT) e modalidades de cariz individual (Atletismo, Orientação, Pesca Lúdica e Natação). Com esta iniciativa, o Município pretendeu mais uma vez impulsionar e diversificar a prática desportiva aos jovens e menos jovens (idades compreendidas entre os 6 e 76 anos) do concelho que merece destaque pelo seu impacto e amplitude na comunidade concelhia (fotos: Gabinete de Desporto e o de Comunicação - Câmara Municipal de Penalva do Castelo).







Outras práticas desportivas em voga no concelho de Penalva do Castelo

O Zumba e as Caminhadas assumem no presente também uma importância considerável na prática desportiva dos seus habitantes, em grande parte por terem um carácter mais acessível (principalmente no caso das caminhadas) e não competitivo (em ambas).
No caso do Zumba, trata-se de um fenómeno mais recente, onde a prática desportiva acaba por ser um pouco intensa e assim reservada a grupos mais restritos de praticantes. Numa simples definição, Zumba é uma dança latina, criada na Colômbia na década de 1990. A dança está presente em mais de uma centena de países. Conquistando assim cada vez mais fãs e adeptos, a Zumba é uma actividade física tradicional aeróbica com movimentos de dança e coreografias que misturam uma série de ritmos latinos e internacionais. A mistura de hip hop, pop, rap, bhangra, flamenco, dança do ventre, dança africana, além da salsa, merengue, cumbia e reggaeton permite que os praticantes tenham um alto gasto calórico. Existem vários tipos de variantes de Zumba como o Aqua Zumba (também com aderentes no nosso concelho). Considera-se assim uma actividade desportiva que têm vindo a ganhar cada mais preponderância, sobretudo no seio ou junto do público feminino (fotos: Câmara Municipal de Penalva do Castelo).






Já a Caminhada é uma prática desportiva mais antiga e tradicional mas ainda muito valorizada para exercer uma actividade física e no qual o concelho de Penalva do Castelo é prodígio em percursos ou iniciativas deste género, sejam já sinalizados (os casos do Percursos Pedestres ou Rotas, que são no total 5 actualmente no nosso concelho: marcados e qualificados, disponíveis em qualquer altura do ano) ou espontâneos (sinalizados apenas no dia). Com uma periodicidade mensal, o município tem levado a cabo a iniciativa de propor uma caminhada à população e demais interessados com uma temática associada:

Como também uma periodicidade anual no caso dos cinco percursos pedestres sinalizados (nas freguesias:

- Esmolfe (PR3 PCT Rota dos Cenários do Passado)






- Castelo de Penalva (PR4 PCT Rota dos Ambientes Rurais)







- União das freguesias de Vila Cova do Covelo e Mareco (PR2 PCT Rota de Santiago|Caminho dos Galegos)




- Pindo|Moinhos de Pepim (PR1 PCT Rota da Senhora da Ribeira)



- Real (PR5 PCT Trilho do Ryal)





E ainda brevemente o 6º percurso com a marcação formal na freguesia de Trancozelos).

Para complementar a caminhada, existem várias actividades que podem não ter uma exigência física mas que são um bom complemento de atracção nestes percursos referidos atrás, como o Geocaching (um jogo de caça ao tesouro moderno), que continua a ter adeptos, sobretudo vindos de fora do concelho para percorrer estes quilómetros marcados segundo regras da Federação de Campismo e Montanhismo no nosso concelho que têm também uma vertente cultural. Através da colocação destes “tesouros” (sobretudo por voluntários do nosso concelho como juntas de freguesia e em nome individual, como por exemplo o owner (nome dados aos donos das caches|tesouros) CinZa (mais recentemente e em maior número) entre outros, proporciona-se uma espécie ou tipo de actividade 2 em 1.











E por fim existem ainda outras modalidades desportivas que despertam no nosso concelho o interesse de várias praticantes, em menor expressão é certo, mas que merecem e são dignas de ser referidas como:

- Natação (Piscina Municipal). Inclusive com a brilhante conquista de vários prémios em âmbito distrital (fotos: Câmara Municipal de Penalva do Castelo).




- Taekwondo e Judo (nos pavilhões do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo). Modalidade como o Judo que conta também com atletas já medalhados em encontros organizados inclusive internacionais.



e ainda outras modalidades que possam não ter sido mencionadas porque são em menor expressão (como por exemplo o Cicloturismo) ou outras mesmo por falta de informação, mas que ainda assim merecem uma atenção.