Site não oficializado do Sport Clube Penalva do Castelo.
A força penalvense desde 1945 no desporto e no futebol com paixão...

quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Agenda Seniores SCPC: 4ª Eliminatória da Taça Sócios de Mérito de Viseu: SC Penalva do Castelo x GD Resende (Sábado - 19 Abril 2014 - 16h00)


Neste próximo Sábado realiza-se a 4ª Eliminatória da Taça Sócios de Mérito de Viseu.
O Sport Clube Penalva do Castelo recebe e defronta o Grupo Desportivo de Resende.

Outra competição!
Um novo desafio!
A mesma ambição de vencer e de levar o nome de Penalva do Castelo o mais alto possível!

Juntos somos mais fortes!
"Basta acreditar para Vencer!"
SEMPRE PENALVA!!

SCPC participa no VI Torneio de Futebol da Páscoa GD Oliveira de Frades no escalão de Sub-10 (Sábado- 19 Abril 2014)


O Sport Clube Penalva do Castelo representado no escalão de Sub-10 irá participar no próximo Sábado, dia 19 de Abril de 2014, no VI Torneio de Futebol da Páscoa organizado pelo Grupo Desportivo de Oliveira de Frades.

Equipas participantes:



Programa dos jogos:


Sábados na Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo (19 Abril 2014)


Rota das Eco-Escolas em Penalva do Castelo (Quarta - 23 Abril de 2014)



O Programa Eco-Escolas procura induzir estratégias de intervenção na comunidade, baseadas na identificação de problemas e na busca de soluções que visem um dia-a-dia mais sustentável.

A iniciativa "Rota das Eco-Escolas", coordenada pela ABAE (Associação Bandeira Azul da Europa) | Programa Eco-Escolas, integra-se no tema do ano 2013/14 - mobilidade sustentável - e visa alertar a comunidade penalvense para a importância de uma mobilidade mais segura, eficiente e inclusiva, através do envolvimento da comunidade escolar e do município.
A atividade incidirá numa caminha com início na EB3/S, percorrendo as ruas da vila e terminará junto à Câmara Municipal, com a entrega de sugestões tendo em vista a mobilidade sustentável.

terça-feira, 15 de Abril de 2014

Resultados das Equipas Seniores concelhias - 22ª e Última Jornada da 1ª Divisão Distrital Zona Norte 2013|14 (13 Abril 2014)


As equipas seniores concelhias da Associação Recreativa e Cultural Sezurense e o Grupo Desportivo e Cultural de Roriz cumpriram neste último fim de semana, 13 de Abril de 2014, a vigésima segunda e última jornada do campeonato. O Sezurense na condição de visitado, recebeu e defrontou a Associação Os Vouzelenses, tendo vencido por três bolas a duas. O Roriz, por sua vez também jogou e terminou a sua participação da temporada diante dos seus adeptos ao receber e ter defrontado a Associação Desportiva e Recreativa de Tarouquense, tendo contudo perdido por quatro bolas a duas.

Roriz 2 X Tarouquense 4


A décima primeira rodada da segunda volta e última do campeonato proporcionou aos rorizenses voltarem à condição de visitados e assim terminarem diante dos seus adeptos, a sua participação nesta temporada, se possível, claro está, terminar com um resultado positivo mesmo tendo pela frente nada mais nada menos que a formação de Tarouca, campeão de série à bastantes jornadas atrás e a equipa mais regular ao longo de todo o campeonato.
Não foi por esta diferença pontual nem classificativia que os rorizenses deixaram de discutir o resultado, mesmo que as soluções na sua formação não abundassem, contudo foi o visitante que marcou primeiro e aliás os dois primeiros golos no Campo da Cerca. Ambos fruto de alguma desatenção dos seus defensores e por outro lado pela confiança e qualidade evidenciada pelos atletas tarouquenses. Num dos golos os rorizenses ficaram a pedir lance irregular de fora de jogo que a equipa de arbitragem deixou passar. Mesmo que tenham saído em branco no marcador ao fim dos primeiros quarente e cinco minutos, os locais criaram oportunidades para pelo menos sair com um golo no marcador, sendo que a eficácia no sector atacante não foi a melhor. Alias, é um pontos mais marcantes que ficou ao longo da temporada - criar imensas oportunidades claras de golo e não aproveitar. Mas claro que não é só marcar para se vencer um jogo como também não sofrer e ser sólido a defender e nesse aspecto, os rorizenses também não conseguiram em muitos jogos ser mais esclarecedores.
Na etapa complementar, os comandados por Sérgio Macário voltaram a entrar de forma a discutir o resultado mas foi contra a corrente nos primeiros minutos, que o Tarouca marcou o terceiro tento. Mas praticamente no minuto seguinte, o Roriz sempre consegue inaugurar o marcador a seu favor reduzindo para 1-3. O encontro estava numa fase aberta já que as equipas não se remetiam à defesa. E passado algum tempo depois é novamente Zé Manel que marca (num golo de excelente execução) na partida, bisando e colocando o marcador em apenas um golo de diferença e assim relançar a discussão pelo vencedor final. Seguidamente tivemos um Roriz à procura de empatar e um Tarouquense à procura de novo golo e ampliar o marcador. Oportunidades não faltaram para os locais voltarem a marcar, sendo Ruben Sarmento e Zé Manel foram os rostos das oportunidades criadas e falhadas. Era um Roriz inconformado e lutador mesmo as forças já começassem a faltar mas o Tarouca praticamente colocou um ponto final no vencedor final ao marcar o quarto e colocar em dois golos de diferença o marcador. Ainda havia cerca de quarto de hora para jogar, mas este último golo da formação do norte do distrito de Viseu veio de certa forma deixar já pouca margem de discussão pelo resultado para os rorizenses, sendo ainda a formação que esteve mais perto de marcar novamente, já que ainda desperdiçou uma grande penalidade, muito bem defendida por Luís Correia que acabado de entrar mostrou o inconformismo com o resultado e quem sabe pela prestação classificativa ao longo do campeonato.
Resultado final favorarel ao campeão de série em Penalva do Castelo e mais três pontos que aumentaram a vantagem que tinha sobre o segundo, de resto pouco importante para a ordem classificativa. O Roriz mesmo sabendo que já não conseguia sair do penúltimo lugar, independentemente deste jogo, tentou sair com outro resultado mas não conseguiu. Fica sempre a postura digna com que se bateram e tentaram alcançar outro resultado e patamar classificativo, que estava ao seu alcance pelo valor evidenciado ao longo do campeonato.

Ficha da Partida:

13 Abril 2014
Campo Municipal da Cerca
(Penalva do Castelo)
Cerca de 125 pessoas de assistência

Grupo Desportivo Cultural de Roriz
1 Filipe Pio
2 Rui Pinto
4 Emanuel Ferreira
14 Nuno Guterres
19 Marcelo Coelho
6 Zé Lúcio ©
7 Rúben Sarmento
8 Luís Tostas
9 Zé Manel
20 Diogo Sousa
10 Vicente

Banco de Suplentes:
12 Luís Correia
18 Noita
13 Nelson Lamegal

Equipa Técnica:
Treinador Principal: Sérgio Macário
Treinador Adjunto: Luís Filipe Cabral

Equipa de Arbitragem:
Arbitro: Luís Fonseca (A. F. Viseu)

Marcadores:
0-1 1ª parte
0-2 1ª parte
0-3 2ª parte (55`)
1-3 Zé Manel (56´)
2-3 Zé Manel (67`)
2-4 2ª parte (78`)






















FotografiasCinZa © direitos reservados


Sezurense 3 X Os Vouzelenses 2


A décima primeira e última da segunda volta do campeonato proporcionou aos sezurenses voltarem à condição de visitados recebendo para terminar o campeonato, a formação da Associação Os Vouzelenses. Defrontavam-se equipas muito próximas pontualmente na tabela classificativa, separadas apenas por um ponto e com os objectivos finais bem idênticos nesta altura da temporada, com ambas a procurarem a melhor classificação possível.

Os sezurenses, a jogarem em casa queriam terminar de forma positiva e sair desta temporada com a melhor classificação ao seu alcance. Apesar destes ímpetos, os vouzelenses entraram mais decididos e esclarecidos no encontro. Apesar de um domínio nos primeiros vinte minutos, a equipa de Vouzela não dispôs de oportunidades claras para marcar já que o seu futebol acabava por ser incipiente no último terço do terreno. Os sezurenses apenas conseguiram entrar na partida a partir dos primeiros vinte minutos e logo com golo. Miguel Pereira ao minuto 25 remata do meio da rua em forma de chapéu, uma bola que apenas parou no fundo da baliza contrária. Um golaço do camisola 12 do Sezurense, formação que pegou decididamente na partida, remetendo os visitantes para o seu meio campo. Até ao intervalo, o marcador não iria sofrer mais alterações mesmo que Miguel Pereira tivessee novamente a oportunidade de marcar, mas de cabeça em boa posição, atirou por cima. Era contudo uma partida típica de final da temporada, em que a concentração já não era a maior mas ainda assim valia pela forma aberta que as equipas encararam o encontro.
Na etapa complementar, os sezurenses voltaram a entrar mais acutilantes e marcaram o segundo golo por intermédio de Gonçalo Ferreira, na conversão de uma grande penalidade. Com uma vantagem de dois golos, os comandados por Luís Filipe Pinto colocavam-se em posição previligiada para vencer mas de certa forma relaxaram tendo o Vouzela aproveitado esta maior apatia dos sezurenses para reduzir e colocar o marcador em 2-1. Os visitados voltaram a despertar na partida e acabaram por beneficiar de nova grande penalidade, mas desta vez Tiago Gonçalves, chamado à conversão, não conseguiu marcar. Com sempre diz o ditado, quem não marca sofre e assim foi que os vouzelenses numa falta idêntica, para grande penalidade, acabaram por empatar a dois golos. Acabou por não ser no remate da marca dos nove metros mas sim na recarga ao mesmo, de nada valendo o esforço de Sérgio Sacho que ainda defendeu por mais que uma vez as tentativas sucessivas dos vouzelenses. Era uma partida algo incaracteristica, aquela que se assistia no Campo das Cruzes, para dar por terminada a temporada 2013-14. O empate perdurou até bem perto do final do tempo regulamentar até que apareceu João Osório de cabeça na grande área contrária a marcar o terceiro e o da vitória. Até ao apito final, os locais acabaram por segurar o triunfo e apenas destaque para uma decisão ridícula da arbitra chamada à partida, ao expulsar Steven Cunha de forma injusta e sem justificação.
Resultado final favorável ao Sezurense que assim terminou da melhor forma a sua participação na temporada ao mesmo tempo que conseguiu subir na classificação, terminando no sétimo posto da tabela geral. Um honroso lugar, bem melhor do que na temporada anterior. 

Ficha da Partida:

13 Abril 2014
Campo das Cruzes
(Sezures - Penalva do Castelo)
Cerca de 125 pessoas de assistência

Associação Cultural e Recreativa Sezurense
23 Sérgio Sacho
24 Hélder Pacheco
4 Ricardo Costa  ©
21 Gonçalo Ferreira
55 Steven Cunha
6 Zé Ricardo
17 Cabral
8 Sebastião
12 Miguel Pereira
9 João Osório
77 Tiago Gonçalves

Banco de Suplentes:
34 Henrique Costa
70 Telmo Francisco
14 Gonçalo Cardoso
7 Samuel Abreu

Equipa Técnica:
Treinador: Luís Filipe Pinto

Equipa de Arbitragem:
Arbitra: Rosa Almeida (A. F. Viseu)

Marcadores:
1-0 Miguel Pereira (25`)
2-0 Gonçalo Ferreira (g.p.) (2ª parte)
2-1 (2ª parte)
2-2 (2ª parte)
3-2 João Osório (89`)






















FotografiasCinZa © direitos reservados


Resultados|Classificação:


22ª e Última Jornada - 1ª Divisão Viseu - Zona Norte 2013/14:

Arguedeira 0 x Alvite 1
Lamelas 2 x Vilamaiorense 2
Oliveira do Douro 1 x Os Ceireiros 3
Campia 0 x Lamego 0
Sezurense 3 x Os Vouzelenses 2
Roriz 2 x Tarouquense 4

Classificação após a 22ª e Última Jornada - 1ª Divisão Viseu - Zona Norte 2013-14:


A lista dos marcadores dos golos das duas equipas concelhias:

+ Tiago Gonçalves (Sezurense) 11 golos
+ Rúben Sarmento (Roriz) 10 golos
+ Vicente (Roriz) 6 golos
+ Miguel Pereira (Sezurense) 6 golos
+ Zé Manel (Roriz) 6 golos
+ Cabral (Sezurense) 4 golos
+ Alex Sousa (Roriz) 3 golos
+ João Osório (Sezurense) 3 golos
+ Gonçalo Ferreira (Sezurense) 2 golos
+ Litos (Sezurense) 1 golo
+ Samuel Abreu (Sezurense) 1 golo
+ Nelson Lamegal (Roriz) 1 golo
+ Gonçalo Cardoso (Sezurense) 1 golo
+ Amândio (Roriz) 1 golo
+ Steven Cunha (Sezurense) 1 golo
+ Luís Tostas (Roriz) 1 golo